Dicas

12/2/2005
CD - JOHN COLTRANE - A LOVE SUPREME
 

John Coltrane - A Love Supreme 

Um clássico de John Coltrane! Esse é um dos discos mais importantes de sua discografia, e vem influenciando músicos de várias gerações desde seu lançamento, em 1965 (foi gravado em Dezembro de 1964).

O time do disco é o quarteto antológico de Coltrane: o próprio no sax tenor, McCoy Tyner (piano), Jimmy Garrison (baixo) e Elvin Jones (bateria).

A música é apresentada como uma suíte de quatro partes: “Acknowledgement”, “Resolution”, “Pursuance” e “Psalm”. A composição toda é baseada em motivos simples e muito fortes, e o grande lance é a música que se faz a partir desses elementos.

Nessa fase do trabalho de John Coltrane, muitas vezes a música toda era sobre uma escala. A empatia e o entrosamento do quarteto fazia com que muita coisa acontecesse em torno dos temas mais simples. Isso vc pode ouvir em discos como “Transition”, “Crescent”, “First Meditations”, “Sunship”, e outros dessa época.

“A Love Supreme” é resultado da rara e feliz combinação de elementos do quarteto e seu estilo único de fazer música, e nesse caso música devocional (leia o encarte pra sentir o clima).

Numa entrevista do Elvin Jones, ele falava a respeito do grau de comprometimento e cumplicidade do grupo, dizendo algo como “nós morreríamos, se fosse preciso, atrás daquele ‘mother-fucker’!”.

Se você está com grana, compre a edição de luxo da Impulse!, que traz a versão gravada no dia seguinte com sexteto, adicionando Art Davis no baixo e Archie Sheep no sax tenor, além de um show do quarteto em Antibes tocando a suíte em 1965.

Sei que é meio óbvio de minha parte recomendar um disco tão conhecido, mas, se você ainda não ouviu, tenha a experiência!

Um belo Fevereiro pra todos!

Abraço,

Michel

<< Voltar